quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Chamem-me louca, mas no dia em que me calar,é porque morri.

Começo a odiar as pessoas deste país. Que apontam o dedo por termos uma opinião diferente , que ameaçam por termos outros ideais. Começo a odiar a falta de liberdade de expressão, que é minha por direito.
Se há coisa que sou é teimosa. E luto, com unhas e dentes, até ao fim, por aquilo em que acredito. Tenho ideias e formas de ver as coisas muito minhas. Respeito ideias contrárias, mas detesto que me tentem impingir outras visões.
Não tem jeito ter medo de falar. Não tem jeito ameaças, ou mesmo que arruínem a vida de alguém só porque pensa de forma diferente. Não podemos ser todos os ignorantes. Mas , neste país, os ignorantes são aqueles que realmente se informam e se preocupam. São os que lutam até ao fim por algo que acreditam. Esses são os ignorantes. O resto é tudo génios. Por alguma razão escolhi este curso e é porque não suporto injustiças.
Chamem-me louca, mas no dia em que me calar,é porque morri.

1 comentário:

Antonio disse...

Buenas, enhorabuena por el blog, me gustaría intercambiar enlaces contigo y que nos sigamos mutuamente.
Un enorme saludo desde http://orgullobenfiquista.blogspot.com/
http://bufandasybanderasamps.blogspot.com/